Quem disse

Ze vicente

D
Quem disse que não somos nada
                                 A
E que não temos nada para oferecer

Repare as nossas mãos abertas
                                D
Trazendo as ofertas do nosso viver
G                          D
Repare as nossas mãos abertas
                 A              D
Trazendo as ofertas do nosso viver

D              G
A fé do homem nordestino
            A                           D
Que busca um destino e um pedaço de chão.
                G
A luta do povo oprimido
              A                      D
Que abre caminho e transforma a nação
G          D   A         D
Ô, ô, ô, ô, recebe senhor.

Retalhos de nossa historia bonitas vitórias que
Meu povo tem. palmares, canudos, cabanas
São lutas de hoje e de ontem tambem. ô, ô,
Ô, ô, recebe senhor.

Aqui trazemos a semente sangue desta gente
Que fecunda o chão. do gringo e tantos
Lavradores santo e operarios em libertação.
Ô, ô, ô, ô, rcebe senhor.

Coragem de quem dá a vida seja oferecida
Com este vinho e pão. é força que destrói a
Morte e muda nossa sorte é ressureição.
Ô, ô, ô, ô recebe senhor.

    Contador de Cliques