asdf

Papa Francisco recorda que ser cristão é dar testemunho de Jesus

Noticia 2199

O Papa Francisco visitou ontem à tarde a Paróquia de Santa Maria em Seteville, em Guidonia, diocese de Roma. Deste modo, retomou as visitas pastorais nas igrejas da sua diocese depois de uma pausa devido ao Jubileu da Misericórdia.

Ao chegar ao local, o Santo Padre saudou o vice-pároco, Giuseppe Benardino, de 50 anos, que sofre gravemente de esclerose lateral amiotrófica há mais de dois anos.

Além disso, encontrou diferentes realidades pastorais da paróquia, tais como oito comunidades neocatecumenais, 30 doentes, crianças da catequese, famílias que batizaram os seus filhos no ano passado e alguns colaboradores de pastoral. Francisco também atendeu a confissão de algumas pessoas.

Por último, presidiu a Missa e pronunciou a homilia de maneira improvisada, na qual desejou que seja uma comunidade que “não murmure” e que deem “testemunho”.

O Papa sublinhou que “escutar a palavra do Senhor é encontrar a alegria” e que “o testemunho cristão se faz com a palavra, com o coração e com as mãos”, porque “se digo que sou católico” e vou à Missa, mas “não falo com meus pais”, não “ajudo os idosos” e “os pobres”, não se dá testemunho.

“Existem muitos cristãos que professam que Jesus é Deus; existem vários sacerdotes que confessam que Jesus é Deus, muitos bispos, mas todos testemunham Jesus?”, perguntou. Para alguns, “ser cristão é uma maneira de viver? É como ser torcedor de um time? Ser cristão é primeiramente testemunhar Jesus”.

Por ACI Digital

Contador de Cliques

SIDE BAR

Música Católica no Palco Católico - 2015-2017 © Todos os direitos reservados

Solmaster - Criação de Sites